Não bastou ao relator [Bonifácio de Andrada] propor a rejeição da denúncia contra Temer. Ele estendeu sua defesa a Lula e Dilma. Disse que não há nada contra nenhum dos três.

Culpados, na visão do deputado, são apenas o Ministério Público e a Polícia Federal. Formou-se uma grande aliança em que um tucano tenta criar uma barreira de proteção em torno do presidente e dos ex-presidentes. A se fiar no relatório de Bonifácio, que vem prestando serviços aos governos desde o regime militar, tudo o que o Brasil tem vivido nos últimos tempos são apenas "ações espetaculosas".

Segundo Bostafaccio, na denúncia, "a Presidência não é tratada com referida deferência que o cargo requer". Quem não tratou a Presidência com o respeito que o cargo exige foi quem teve com um investigado pela Justiça, Joesley Batista, uma conversa como a que o presidente Temer teve naquela noite. Em mais uma inversão dos fatos, os investigadores é que são acusados de não respeitar a Presidência, e não o ocupante do cargo.

Para ler a íntegra da postagem e acessar o texto da jornalista, siga o link http://fernandomelis.blogspot.com.br/2017/10/leia-um-trecho-da-coluna-de-miriam.html

A escolha da ponte fica por conta de cada um.